A busca contínua por um ciclo virtuoso

Nossas atividades iniciaram-se em 1993, como Revista Brasileira de Cardiologia Invasiva. Em seus 17 anos de história, resta evidente que o grande desafio do corpo editorial sempre foi o de atrair artigos originais capazes de fomentar ambições maiores, dentre estas, a indexação no PubMed/MEDLINE. Autores almejam visibilidade de suas pesquisas, consequentemente refutam submissões para periódicos sem fator de impacto, símbolo maior de prestígio e relevância de uma publicação.1-3 Esse, por sua vez, é gerado a partir do número de citações de manuscritos publicados em seus volumes. Tornamo-nos assim reféns de uma cadeia logística ingrata aos nossos planos de galgar degraus maiores de destaque.

Cumpre-nos então alguns questionamentos: onde queremos estar? É justificável em 2020 que a Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI) custeie essa empreitada? Os profissionais envolvidos com a intervenção percutânea em doenças cardíacas, periféricas ou cerebrovasculares realmente desejam um veículo de comunicação onde possam divulgar seu trabalho seguindo os preceitos de boas práticas clínicas? Caso as respostas a essas indagações sejam sim, definitivamente devemos nos unir em busca de um ciclo virtuoso, que seja capaz de nos tirar da estagnação e possibilitar o alcance de resultados perenes.

O trabalho é árduo, envolve engajamento não apenas do Conselho Editorial, dos Editores Associados, mas também daqueles responsáveis pelos centros formadores credenciados pela SBHCI, estimulando e criando facilitadores para quem deseja compartilhar seus dados com a comunidade científica. Conclamo a todos que nos unamos por essa nobre causa.

 

Referências


1. Brown H: How impact factor changed medical publishing – and science. BMJ, 2007;334:561–64.


2. Grzybowski A. The Journal Impact Factor: How to interpret its true value and importance. Med Sci Monit, 2009;15(2):SR1-4.
 

3. Andrade PB. Andrade PB. Uma ilustre e bem-vinda ajuda. J Transcat Interven.

2020;28:eA202001.

Pedro Beraldo de Andrade

Editor-chefe JOTCI 

Parceria:

Apoio:

scitech.png
MicroPort Logo.png